The page you're viewing is for Portuguese (LATAM) region.

Investors

The page you're viewing is for Portuguese (LATAM) region.

 

Conforme indicado na discussão sobre as Cidades Inteligentes, algumas indústrias incluídas na nossa análise estão avançando rapidamente e vão se tornar cada vez mais críticas à medida que evoluem, mais notavelmente as indústrias de Cidades Inteligentes, Serviços de Nuvem e Instalações Compartilhadas e Energias Alternativas.

 "O crescimento da indústria dos Serviços de Nuvem e Instalações Compartilhadas continua acelerando", observa Gaunt. "Aqui na Ásia, estamos mesmo no início da curva ascendente da adoção da nuvem por parte das indústrias nucleares e é provável que os serviços críticos do futuro (as redes da IoT que suportam Cidades Inteligentes e Fábricas, por exemplo) venham a ser desenvolvidos na nuvem. Os fornecedores dos Serviços de Nuvem e Instalações Compartilhadas estão demonstrando que podem proporcionar uma combinação de disponibilidade e conveniência que ultrapassa o que várias organizações podem alcançar por si próprias e vão atrair cada vez mais aplicações críticas no futuro."

 As Energias Alternativas, que incluem células solares, eólicas, combustíveis e o armazenamento de energia, estão crescendo a um ritmo de 42 % todos os anos e vão desempenhar um papel cada vez mais importante na proteção de indústrias contra a dependência excessiva da rede elétrica no futuro. "Atualmente, a maioria das aplicações das tecnologias de energia alternativa complementam os serviços de energia", observa Nation. "Contudo, estamos vendo cada vez mais adeptos precoces da utilização de Energias Alternativas como fonte primária de energia. Quanto mais essas tecnologias demonstrarem a sua confiabilidade e eficácia em termos de custos, mais viável se torna essa abordagem."

COMPARTILHE O RELATÓRIO SOBRE AS INDÚSTRIAS MAIS CRÍTICAS DO MUNDO

 
INVESTORS
Overview

Selecione o seu país e idioma